Motoboy morre baleado no RJ, e amigos acusam polícia: 'queremos justiça'

  • 13/01/2021


Danilo Ribeiro, de 22 anos, tinha acabado de sair do trabalho e estava a caminho de casa, em São Pedro da Aldeia, quando foi alvejado por, pelo menos, quatro disparos, que teriam sido efetuados por policiais militares. Danilo Ribeiro, de 22 anos, morreu na madrugada desta quarta-feira (13) após ser baleado enquanto voltava para casa Arquivo pessoal Um motoboy morreu na madrugada desta quarta-feira (13) após ser baleado quando passava na região de Porto do Carro em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio. De acordo com testemunhas, Danilo Ribeiro, de 22 anos, tinha acabado de sair do trabalho e estava a caminho de casa, no bairro Vinhateiro, em São Pedro da Aldeia, quando foi alvejado por, pelo menos, quatro disparos, que teriam sido efetuados por policiais militares, por volta das 0h40. Em nota, a Polícia Militar disse que equipes foram atender chamado de populares sobre pessoas armadas no local e, ao serem recebidos a tiros, houve confronto com feridos. Veja nota na íntegra ao fim da reportagem. Moradores de São Pedro da Aldeia acusam polícia de matar motoboy entre o Vinhateiro e Porto do Carro Vestindo blusas brancas e carregando cartazes, amigos, colegas de trabalho e familiares de Danilo fizeram um protesto na Avenida Wilson Mendes na tarde desta quarta pedindo por justiça. "Só porque o menino mora na comunidade não quer dizer que a PM pode entrar atirando sem saber se é pai de família, se é trabalhador ou não". Amigos e colegas de trabalho do motoboy Danilo Ribeiro, morto a tiros, fizeram uma manifestação na Avenida Wilson Mendes, em Cabo Frio, na tarde desta quarta (23) Karine Knust "Ele tem família, tem dois filhos para criar", disse um dos amigos de Danilo, que preferiu não se identificar por motivos de segurança. Ainda segundo amigos da vítima, Danilo chegou a ser levado para o Hospital Municipal do Jardim Esperança, mas já chegou à unidade sem vida. De acordo com os manifestantes, não havia nenhuma operação ou troca de tiros na região na hora do crime. "O garoto era trabalhador, sempre foi trabalhador. A gente não aguenta mais essa impunidade. Encheram ele de tiro, arrastaram ele. A gente não aguenta mais. Precisa ser filho de alguém pra poder ter justiça?", questionou outro amigo de Danilo, que também preferiu não se identificar. "Por que atiram na pessoa pra depois procurar saber quem é? A polícia está sendo paga para matar trabalhador?" Danilo trabalhava como motoboy em um restaurante em Cabo Frio, cidade vizinha a São Pedro da Aldeia. Campanha Amigos de Danilo Ribeiro criaram uma campanha na internet para arrecadar dinheiro para o sepultamento do motoboy Reprodução/Redes sociais Uma campanha foi criada na internet na tarde desta quarta para arrecadar dinheiro para quitar as despesas do enterro de Danilo. De acordo com um dos organizadores da campanha, caso o valor arrecadado seja superior ao necessário para o sepultamento, a quantia será repassada para aos dois filhos pequenos do motoboy. O corpo de Danilo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de São Gonçalo e deve ser velado e sepultado nesta quinta-feira (14), em São Pedro da Aldeia. Veja posicionamento da PM na íntegra: "A Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar informa que, na madrugada desta quarta-feira, equipes do 25ºBPM (Cabo Frio) foram acionados por populares para verificar a presença de indivíduos em posse de armas de fogo na localidade de Porto do Carro, em Cabo Frio. Ao se aproximarem da localidade Beco do Açougue, os policiais foram atacados a tiros. Houve confronto. Outros policiais que seguiam pela Rua das Crianças também se depararam com marginais armados, quando houve novo confronto. Estabilizada a situação, os policiais encontraram dois homens feridos – um deles com ferimentos leves na perna. O socorro médico foi acionado pelos policiais. Enquanto aguardavam a chegada do socorro médico, os policiais foram novamente atacados a tiros. Com o intuito de resguardar a integridade física da equipe e dos feridos, procederam imediatamente ao Hospital Geral do Jardim Esperança, onde os dois feridos foram atendidos. No local do confronto foram encontrados uma pistola, dois carregadores e dez munições calibre 40mm; uma pistola, um carregador e quatro munições calibre 9mm; 23 pedras de crack; 05 sacolés de cocaína, 01 trouxinha de maconha e R$ 67 em espécie. A ocorrência foi registrada na 126ª DP, onde o material ficou apreendido. No fim da tarde houve uma manifestação de motociclistas, na Avenida Wilson Mendes, em Porto do Carro, em que populares queimaram pneus na via. O protesto foi monitorado por equipes do 25ºBPM, e foi encerrado sem maiores consequências".

FONTE: https://g1.globo.com/rj/regiao-dos-lagos/noticia/2021/01/13/motoboy-morre-baleado-no-rj-e-amigos-acusam-policia-queremos-justica.ghtml

Aplicativos


Locutor no Ar

Web Radio Familia F e M

Review Gospel

20:00 - 20:59

Peça Sua Música

Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

top1
1. Anderson Freire

Raridade

top2
2. Bruna Karla

Advogado Fiel

top3
3. Aline Barros

Casa do pai

top4
4. Anderson Freire

Acalma o meu coração

top5
5. Aline Barros

Ressuscita-me

Anunciantes